sexta-feira, 21 de junho de 2013

A Sombra do Vento



 Título: A Sombra do Vento
Autor: Ruiz Zafón, Carlos
Categoria: Romance
Editora: Suma de Letras
Publicação: 1ª Edição, 2007
Páginas: 400


Sinopse: 'A Sombra do Vento' é uma narrativa escrita em uma prosa ora poética, ora irônica. Tudo começa em Barcelona, em 1945. Daniel Sempere está completando 11 anos. Ao ver o filho triste por não conseguir mais se lembrar do rosto da mãe já morta, seu pai lhe dá um presente inesquecível - em uma madrugada fantasmagórica, leva-o a um misterioso lugar no coração do centro histórico da cidade, o Cemitério dos Livros Esquecidos. O lugar é uma biblioteca secreta e labiríntica que funciona como depósito para obras abandonadas pelo mundo, à espera de que alguém as descubra. É lá que Daniel encontra um exemplar de 'A Sombra do Vento', do também barcelonês Julián Carax. O livro desperta no jovem e sensível Daniel um enorme fascínio por aquele autor desconhecido e sua obra, que ele descobre ser vasta. Obcecado, Daniel começa então uma busca pelos outros livros de Carax e, para sua surpresa, descobre que alguém vem queimando sistematicamente todos os exemplares de todos os livros que o autor já escreveu.


Resenha:

A Sombra do Vento é um livro no mínimo curioso para mim. Digo isso pois minha relação com esse livro vem de muito antes de eu ter a real vontade de lê-lo. A primeira vez que vi essa capa foi no metrô, no ano de 2008, ela me chamou tanta atenção que fiquei chateada de não ter conseguido ler o título detentor daquela capa misteriosa. Anos mais tarde, encontrei essa mesma capa nas mãos de um pessoa na sala de espera de um consultório, dessa vez consegui ler o título, "A Sombra do Vento". Fiquei intrigada com aquele livro, mas como não era viciada como hoje em leitura, não fui atrás dele, porém a marca que ele deixou na minha memória nunca mais foi apagada. Cinco anos depois da primeira vez que o vi, cá estou eu tentando passar para vocês um pouco sobre essa obra maravilhosa. Onde eu ia com o livro, as pessoas reforçavam o quanto ele era bom e, como já tinha lido O Jogo do Anjo e simplesmente virado devota de Zafón, não desconfiava nem um pouco de quão bom seria A Sombra do Vento.
Carlos Ruiz Zafón
A história começa com Daniel, filho de um vendedor de livros, é ele quem narra os acontecimentos. Daniel perdeu a mãe quando era bem mais novo, porém fica atormentado quando percebe que está esquecendo do rosto dela.  Seu pai, então, decide lhe apresentar um lugar especial chamado O Cemitério dos Livros Esquecidos. Lá, por acaso do destino, ele encontra um livro chamado "A Sombra do Vento", porém esse livro não era o que estamos lendo escrito pelo Zafón e sim escrito por Julián Carax. Daniel termina de ler o livro e deseja buscar mais informações sobre o autor, porém acaba descobrindo que o que ele tem nas mãos é uma preciosidade sem valor mensurável, não existem mais livros como o que ele acabara de ler. Esse é o gatilho para uma série de acontecimentos, onde cada vez que Daniel busca mais informações acontecem coisas até então inexplicadas. As informações sobre Julián Carax são escassas, mas Daniel não desiste e mesmo correndo risco de vida continua na sua sede pela verdade. 
Quando chega nas últimas páginas, a filha do guardião do cemitério dos livros escreve uma carta com revelações nunca antes feitas. E é exatamente nessa carta que o leitor pode descobrir e  ficar ainda mais impressionado com as revelações feitas por Nuria Monfort. 

Detalhes nessa resenha estragaria toda a emoção de ler a Sombra do Vento, basta você, caro leitor, saber que a cada página virada, uma nova revelação aparece. Não é um livro monótono quanto menos chato de se ler. A leitura flui muito bem e se você  for um devorador de livros não vai aguentar esperar muito tempo para o final. 

Sabe quando você deseja se surpreender muito com algo? Se é isso que procura, leia as obras de Calos Ruiz Zafón, principalmente A Sombra do Vento. Fique à vontade pra desvendar cada caso e não se iluda com o óbvio, nada nas obras de Zafón são óbvias!

Esse livro está em primeiro lugar na minha lista de recomendações, ele é especial para mim e já tem seu lugar guardado na estante dos "permanentes'. Leia e depois me conte, aposto que você não irá se decepcionar.



6 comentários:

Lucas Souza disse...

Oi, Bruna!
Depois dessa resenha cheia de elogios, eu tenho certeza que eu quero ler alguma obra do Zafón, mais cedo ou mais tarde. Eu gosto desses livros que surpreendem do começo ao fim, que a cada página virada é uma surpresa diferente rsrs
Marina é de autoria dele também, né? Quero ler tbm :D
Beijos
Descobrindolivros.blogspot.com.br

Sarah Marques disse...

Oi, tudo bom?
Eu tenho tanta, mas tanta vontade de ler Zafón que eu te entendo quando diz que a relação com ele começou antes mesmo de ler algum livro.
Acho as capas e o enredo perfeitos, mas ainda não comprei nenhum deles.
A cada resenha como a sua, minha vontade só aumenta mais!
Parabéns!
Tem post novo e promoção de um Kindle! Vai perder?
Beijos
Endless Poem

Igor Gouveia disse...

Oi, tudo bom? Espero que sim.

Primeiro devo dizer que adorei seu blog, sério. Muito legal mesmo. É sempre bom conhecer blogueiros e ler coisas tão legais. Continue assim, ok? Estou seguindo e sempre que der passarei por aqui. Gostei mesmo!
Sobre o post, só tenho uma coisa pra falar: adorei.

Ah, também tenho um blog literário. Passa por lá depois. Quem sabe você não gosta do meu espaço? Ficaria agradecido, é claro!

Deixo o link: http://www.diariodebordodeumleitor.com/

Um abração,
Igor Gouveia.

Bruna disse...

Oi Lucas, tudo bem?
Sim o livro Marina é dele também e já estou doida para lê-lo. kkk
Tenho certeza de que não irá se arrepender as obras dele são completas e maravilhosas, não consigo colocar defeito em nada. Leia algum livro dele e depois me conta mas não esqueça de ler a sombra do vento. Bjssss Obrigada pelo comentário.

Isa disse...

Oi! Adorei o blog. Seguindo!

Isa
http://www.verbosdiversos.com/

Bruna disse...

Sarah, leia pois além das capas maravilhosas o conteúdo de cada uma delas é inesquecível. Pode começar com qualquer uma das grandes obras dele que sem dúvida irá gostar bastante. Obrigada pela visita.Bjssss

Postar um comentário

Para sugestões e contato, envie-nos um comentário.